Make your own free website on Tripod.com
Programa da Manhã
2001 por Pedro Ribeiro

HOME

A Luta pelo PM
Notícias
Chegámos aos Jornais
Os nossos meninos
No antigo site da RC
Best of Vilaret
Coliseu do Porto
Tivolli
Links interessantes
Downloads
Forum
A Saga de Pêro Turjal
Contactos

Pedem-me um texto sobre este ano, presumo que a ideia seja discorrer sobre o Rock que tocou na minha vida algures nestes 365 dias.
 
Bem, achei magnífico o regresso dos U2, que pude ver em Copenhaga, num concerto inesquecível.
 
"All that you can't leave behind" é um disco cheio de boas canções, e que confirma a maturidade da maior banda do mundo.
 
Também passei boas horas a curtir o "Reptile" de Eric Clapton (que vi encerrar a sua digressão europeia com um memorável concerto em Moscovo), e descobri uma diva chamada Nikka Costa e o seu album de estreia "Everybody Got Their Someting". Uma espécie de Lenny Kravitz e saias... por falar no dito, o single "Din In" prometeu, mas achei que o álbum "Lenny" desiludiu...
 
2001... Ah! "All about Chemistry" dos Semisonic (grande album), "Reveal" (um dos melhores discos dos REM), o disco de estreia do projecto Magenta, e claro o regresso dos Xutos & Pontapés...
 
Confesso que também me soube bem ouvir "Echoes". um duplo CD que nos mostra de uma vez toda a dimensão dos Pink Floyd como banda absolutamente incontornável da história da músca, nomeadamente no universo Rock.
 
Não posso esquecer também o "Rotten Aplles", que nos devolve o percurso essencial de uma grande banda, de ontem e de sempre: os Smashing Pumpkins.
 
E depois há as canções, aquelas que marcam o ano para mim: "Drops of Jupiter ", dos Train, "Outside" dos Staind, "Drive dos Incubus", "Bohemiam Like You" dos Dandy Warhols...
 
Deva haver mais qualquer coisa que esqueci entretanto, mas aquilo que aqui lembrei já chega para tirar esta conclusão: 2001 foi um grande ano!